Wimbledon poderá vir a ter as bancadas completamente cheias

À partida, são boas notícias. À luz dos mais recentes desenvolvimentos no Reino Unido em relação à pandemia de Covid-19, o torneio de Wimbledon pode vir a ser o primeiro grande evento em solo britânico a contar com as bancadas totalmente cheias.

De acordo com a mais recente comunicação do Governo britânico, os estádios de futebol devem poder acolher até 10 000 espetadores a partir do dia 17 de maio. A retoma da normalidade no Reino Unido prossegue depois até ao dia 21 de junho, data apontada pelo Governo para o levantamento de várias restrições, incluindo o limite de pessoas a assistir a eventos desportivos. Uma semana depois, o All England Club recebe a edição de 2021 daquele que é o terceiro Grand Slam da temporada.

Apesar das notícias animadoras, a organização do torneio continua a trabalhar tendo em conta todos os possíveis cenários. “Continuamos a trabalhar para organizar o torneio nos diferentes cenários, com capacidade completa, reduzida ou à porta fechada, de maneira a podermos atuar rapidamente e sermos flexíveis em função de como possa variar a situação”, pode ler-se num comunicado emitido pela organização.

Nesta altura, o Reino Unido está prestes a atingir os 18 milhões de pessoas que receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e a notícia também é recebida com bons olhos em Wimbledon. “Ainda que o processo de vacinação seja muito esperançoso, cremos que temos de ser cautelosos nestes momentos”, pode ler-se ainda.

Total
1
Shares
Total
1
Share