João Domingues consegue reviravolta para entrar a vencer em Concepción

Com uma exibição em constante crescendo, João Domingues garantiu esta terça-feira o apuramento para a segunda ronda do Challenger de Concepción, no Chile. O tenista português começou mal o encontro, mas operou a reviravolta frente ao qualifier Carlos Gomez-Herrera (359.º ATP) e venceu com os parciais de 4-6, 6-4 e 7-5.

O tenista de Oliveira de Azeméis sofreu um primeiro break muito cedo, na sequência de uma entrada em falso no encontro. Gomez-Herrera controlou a primeira metade do set inaugural, mas João Domingues começou a dar sinais de melhoria na reta final do parcial. O português chegou, inclusive, a quebrar o serviço do espanhol para chegar ao 4-5. Porém, Gomez-Herrera respondeu com o contra break e confirmou mesmo a vitória no primeiro parcial.

Apesar do desaire, João Domingues deu bons sinais na reta final do set e transportou o bom momento para a segunda partida. Num jogo marcado pelos longos rallies de fundo do court, o número 176 mundial encontrou a profundidade da sua bola e deixou Gomez-Herrera em dificuldades. Um break obtido no terceiro jogo permitiu a Domingues saltar para o comando e o tenista português liderou durante praticamente todo o set. Apesar de ainda ter perdido a vantagem, o atleta luso conseguiu uma segunda quebra de serviço de imediato e, ao fim de muito esforço, confirmou o triunfo no segundo set.

O terceiro set pautou, acima de tudo, pelo equilíbrio. Ambos os tenistas ameaçaram algumas vezes poder chegar ao break, mas foi João Domingues o mais feliz nesse aspeto. O tenista luso conseguiu a tão desejada quebra de serviço a Gomez-Herrera no 11.º jogo e, de seguida, fechou o encontro ao serviço.

Na segunda ronda, João Domingues vai defrontar o chileno Alejandro Tabilo (167.º), que surpreendeu o sétimo melhor cotado, Facundo Bagnis (127.º), com os parciais de 6-2 e 7-5.

Total
2
Shares
Total
2
Share