Fognini e Berrettini catapultam Itália para as meias-finais da ATP Cup

A Itália já está apurada para as meias-finais da ATP Cup. A seleção transalpina carimbou o passaporte para a próxima fase da prova com duas vitórias nos singulares frente à França, pelo que nem precisou do jogo de pares para festejar o apuramento.

O dia – madrugada em Portugal Continental – começou muito bem para os italianos, com Fabio Fognini (17.º ATP) a bater Benoit Paire (28.º) com os parciais de 6-1 e 7-6(2), numa partida bem animada. Fognini entrou muito forte na partida e tudo parecia bem encaminhado para uma vitória rápida e sem espinhas. O italiano fechou a primeira partida em apenas 23 minutos e voltou a ser “mandão” no arranque do segundo set, ao abrir uma vantagem de 3-0.

Desaparecido do jogo até então, Paire “clicou” de repente e arrancou para o seu melhor momento na partida. O francês venceu cinco jogos consecutivos e transformou o 0-3 num 5-3, com Fognini a servir para se manter no parcial. O italiano aguentou-se e Paire, chamado a servir para forçar o terceiro set, claudicou e permitiu o break. O set seguiu então para o tiebreak, onde Fognini voltou a ser dominador e venceu com autoridade.

Depois da primeira vitória italiana, a missão de salvar a eliminatória para a equipa francesa ficou ao encargo de Gael Monfils (11.º), que mediu forças com Matteo Berrettini (10.º). O início foi prometedor, com Monfils a chegar ao 4-1, mas deu-se nessa altura a grande reação de Berrettini. O italiano venceu cinco jogos consecutivos e acabou a cerrar o punho para celebrar a conquista do primeiro set.

A segunda partida foi diferente, com Berrettini a controlar desde o início. O italiano conseguiu dois breaks consecutivos, viu Monfils responder com um contra break para reduzir para 4-2, mas conseguiu um novo break antes de servir com sucesso para fechar o encontro, que durou uma hora e 31 minutos e terminou com os parciais de 6-4 e 6-2.

Desta forma, a Itália é o primeiro conjunto apurado para as meias-finais, mesmo com o encontro de pares ainda por realizar. Essa partida, de resto, deverá opor a dupla italiana composta por Simone Bolelli e Andrea Vavassori aos franceses Nicolas Mahut e Edouard Roger-Vasselin.

Total
2
Shares
Total
2
Share