Primeira semana, primeira final internacional para Nuno Borges em 2021

Beatriz Ruivo/FPT

Primeiro voltou a vencer em singulares para chegar às meias-finais, depois em pares para inscrever o nome na final: esta sexta-feira foi um dia perfeito para Nuno Borges, que no ITF de 15 mil dólares de Antália, na Turquia.

A jogar ao lado do norte-americano Alexander Rybakov, o tenista português de 23 anos (401.º do ranking de singulares e 519.º no de pares) começou por vencer os segundos cabeças de série Tuna Altuna e Diego Hidalgo por fáceis 6-1 e 6-2, em encontro dos quartos de final, e fechou o dia a triunfar por 6-4 e 6-3 sobre Riccardo Bonadio e Giovanni Fonio, ambos de Itália.

Com estes triunfos, Borges e Rybakov garantiram a presença na final de sábado, que será disputada frente a outra dupla 100% italiana: Raul Brancaccio e Davide Galoppini.

Caso vença, Nuno Borges erguerá o sétimo título internacional da carreira na variante de pares, mas primeiro terá pela frente as meias-finais de singulares.

Total
5
Shares
Total
5
Share