Frederico Silva alcança as primeiras meias-finais do ano no circuito Challenger

Frederico Silva continua a brilhar na terra batida de São Paulo e esta sexta-feira qualificou-se para as primeiras meias-finais do ano em torneios do ATP Challenger Tour.

Número 203 do ranking, o tenista português de 25 anos derrotou o argentino Camilo Ugo Carabelli (388.º) em dois sets, por 7-5 e 6-2.

Um dia depois de ter deixado pelo caminho o ex-top 25 mundial e favorito local Thomaz Bellucci, Silva esteve particularmente importante nos momentos decisivos dos jogos de serviço, ao salvar 13 dos 14 pontos de break que enfrentou (!) e aproveitar quatro das seis oportunidades que criou para fazer a diferença — primeiro ao 6-5 do set inaugural, depois depois ao 1-2, 3-2 e 5-2 do segundo.

As meias-finais em São Paulo serão as primeiras do ano e sextas da carreira para o jovem caldense, que ainda procura a primeira presença numa final Challenger. Para o fazer, o pupilo de Pedro Felner terá de passar por um jogador da casa: ou João Menezes (204.º ATP), que já derrotou este ano, ou Matheus Pucinelli de Almeida (936.º), que começou a semana no qualifying.

Total
8
Shares
Total
8
Share