Francisca Jorge conquista uma das melhores vitórias da carreira e alcança final no Funchal

A portuguesa Francisca Jorge está a atravessar um grande momento de forma e, com ele, surgem também os resultados. Este sábado, a vimaranense garantiu o apuramento para a final do Madeira Ladies Open 2020, ao derrotar a sexta cabeça de série, Ingrid Gamarra Martins (504.ª WTA), de forma tranquila: 6-2 e 7-5, ao fim de uma hora e 38 minutos.

A número um nacional não se encolheu perante a maior experiência da atleta brasileira e desde cedo que colocou em court o excelente nível de ténis que tem apresentado durante toda a semana em solo madeirense. Apesar disso, o primeiro break foi de Gamarra Martins, que se adiantou por 2-1. Contudo, com uma resposta “à campeã”, a número 474 do mundo venceu os cinco jogos seguintes e colocou-se a um set de alcançar a final.

Sempre muito focada, Francisca Jorge entrou a atacar no segundo set e conseguiu um break madrugador, que confirmou de seguida com o jogo de serviço para se adiantar por 3-0. A tenista brasileira procurou a resposta e, depois de muito tentar, conseguiu mesmo quebrar o serviço da vimaranense.

Apesar de ter perdido a vantagem, a tenista de 20 anos manteve a confiança e esteve muito perto de conseguir nova quebra de serviço de imediato, mas não conseguiu concretizar nenhum dos dois break points que teve. De volta ao serviço, “Kika” confirmou o 5-4 de forma tranquila e colocou a pressão do lado de Gamarra Martins. A tenista brasileira aguentou e igualou o parcial a cinco, antes de Francisca Jorge fazer o 6-5 e a obrigar a servir uma vez mais para se manter no encontro. À segunda, a pressão foi demasiada para a canarinha e a tenista portuguesa avançou para o break e para a conquista do encontro.

Apurada para a final, Francisca Jorge vai procurar conquistar o quarto ITF de 15 mil dólares da carreira, depois de ter conquistado dois em 2018 e um em 2019, sempre em Lousada. A adversária da número um nacional, que vai disputar a sexta final de singulares da carreira (perdeu em Montemor-o-Novo em 2019 e no Porto Open esta temporada) vai sair do embate entre a brasileira Beatriz Haddad Maia (378.ª) e a holandesa Arianne Hartono (418.ª).

Total
9
Shares
Total
9
Share