Quatro semifinalistas portugueses no quadro masculino do Vale do Lobo Junior Open

Não um, não dois, não três, mas quatro: os quatro protagonistas das meias-finais de singulares masculinos do Vale do Lobo Junior Open são portugueses. No quadro feminino a situação é diferente e há jogadoras de três países, mas em pares os resultados voltam a sorrir muito aos tenistas “da casa” neste torneio internacional organizado pela Premier Sports na Vale do Lobo Tennis Academy, em Loulé.

Principal candidato à vitória no quadro masculino, Miguel Gomes voltou a vencer. Desta vez, com os parciais de 7-6(5) e 7-5 frente a Vasco Prata (oitavo cabeça de série) para chegar às meias-finais, onde vai defrontar Tomás Pinho (quinto), que superou o quarto cabeça de série, Luc Boulier Santelices, por claros 6-0 e 6-3.

Com a vitória rubricada por Pinho ficou desde logo garantida a coroação de um tenista português como campeão, uma vez que o chileno era o único estrangeiro ainda em prova no quadro masculino.

Na metade inferior do quadro, Tomás Luís terminou a excelente campanha do qualifier Martim Simões (venceu por 6-3 e 6-2) para confirmar o estatuto de terceiro pré-designado e vai medir forças com Guilherme Sousa Severin, que se impôs a Jaime Faria, com os parciais de 7-6(5) e 6-3.

Em pares, final igualmente 100% portuguesa: Miguel Gomes e Henrique Rocha derrotaram Tomás Luís e Guilherme Sousa Severin por equilibradíssimos 4-6, 6-3 e 12-10 e vão discutir o título com Jaime Faria e Pedro Libório, que também tiveram de trabalhar para superarem Vasco Prata e Eduardo Morais, com 1-6, 6-2 e 13-11.

No quadro feminino, o título ficará a cargo de uma tenista estrangeira. Na parte superior do quadro, a grega Athina Pitta (oitava cabeça de série) deu a volta a Maria Santos para vencer a portuguesa por 6-0, 4-6 e 6-1 e marcar encontro com Marta Soriano Santiago (passou pela quarta favorita, Olga Mishenina, com 6-2 e 7-6[6]. Já na metade de baixo, a sueca Tilde Stromquist impôs o favoritismo (terceira mais cotada em prova) contra a espanhola Raquel Caballero Chica, para vencer por 6-2 e 6-4, e Carolina Gomez (segunda) derrotou Rachel Hermanova por 6-3 e 6-2.

Nos pares continua a ser possível a vitória de uma dupla portuguesa: Mafalda Guedes e Matilde Morais (quintas favoritas) derrotaram Naroa Aranzabal e Raquel Caballero Chica (terceiras) por 6-4 e 7-6(4) e vão estar frente a frente com Yoana Dudova e Sashi Kempster (sétimas), que venceram as espanholas Alanna Di Francesco e Marta Soriano Santiago por difíceis 4-6, 6-3 e 10-2.

Total
3
Shares
Total
3
Share