Pedro Sousa derrota Gastão Elias no regresso ao Lisboa Belém Open

Beatriz Ruivo/Lisboa Belém Open

LISBOA — Era o duelo mais aguardado de toda a primeira ronda e não desiludiu: no frente-a-frente entre amigos, Pedro Sousa (111.º na atualização desta semana do ranking) deu a volta a Gastão Elias (432.º) para regressar com uma vitória ao Lisboa Belém Open, torneio do ATP Challenger Tour que joga em casa e no qual defende o estatuto de segundo cabeça de série.

No quarto frente a frente no circuito internacional, o lisboeta, de 32 anos, levou a melhor sobre o lourinhanense, de 29, por 6-7(5), 6-1 e 6-3.

Num encontro pautado pelo equilíbrio, Elias foi o primeiro a adiantar-se no serviço e também a ganhar uma vantagem considerável (4-2), mas a resposta de Sousa não tardou e o primeiro set foi decidido no tie-break, onde o lisboeta chegou rapidamente ao 5-1. Só que os erros não forçados apareceram na pior altura e, primeiro com uma direita na rede, depois uma dupla falta e por fim uma direita para fora o ascendente inverteu-se por completo.

Forçado a trabalhos extra para conseguir continuar em prova, Pedro Sousa entrou agressivo no segundo set e foi rápido a quebrar: fê-lo com um winner de direita ao longo da linha e continuou a apostar numa pancada cheia de aceleração para aumentar a vantagem, apontando uma resposta de direita à linha de fundo para fazer o 4-1. A vitória no parcial não demorou muito mais.

Chegado o momento de todas as decisões, Sousa voltou a entrar melhor no set e carimbou logo um break, uma vez mais devolvido por Elias, que só conseguiu prolongar a igualdade por um par de jogos: ao 3-2, o amigo-tornado-adversário precisou de cinco oportunidades, mas conseguiu voltar a abrir “uma ferida”. A vantagem parecia decisiva, mas Elias ainda devolveu o break graças a três erros não forçados de Sousa, que na pior fase do encontro voltou a vencer um jogo no serviço do compatriota para voltar para o comando e não mais olhou para trás, só parando ao game, set and match.

Com a vitória desta terça-feira, Pedro Sousa juntou-se a Gonçalo Oliveira no restrito grupo de portugueses já apurados para a segunda ronda do Lisboa Belém Open. O duo pode tornar-se um trio caso Nuno Borges complete com sucesso a difícil tarefa de derrotar o terceiro cabeça de série, Damir Dzumhur, no último duelo de singulares da jornada.

Nos oitavos de final, Pedro Sousa, que é o segundo cabeça de série, vai medir forças com o vencedor de um duelo 100% francês entre Hugo Grenier (248.º) e Mathias Bourgue (214.º).

Total
5
Shares
Total
5
Share