Nuno Borges sagra-se vice-campeão em Setúbal

Beatriz Ruivo/FPT

O português Nuno Borges ficou perto de conquistar o ITF de 15 mil dólares de Setúbal, mas acabou por ter de se contentar com o vice-campeonato. Este domingo, o tenista luso, que jogou o quadro principal a convite da organização, perdeu na final da quinta edição do Re/Max Lounge Setúbal Open frente ao alemão Sebastian Fanselow (451.º ATP), com os parciais de 6-4 e 7-6(3).

O tenista português revelou alguns problemas a nível nasal, nomeadamente algum congestionamento. Aliado a esse problema, Nuno Borges teve de enfrentar a habitual entrega de Fanselow, que lutou por cada bola como se fosse a última. Este estilo de jogo valeu ao tenista alemão, que reside e treina em Portugal, adiantar-se por 4-1 no marcador. O tenista luso ainda conseguiu recuperar de uma desvantagem de 2-5 para 4-5 mas, quando servia para se manter na discussão do encontro, acabou por ceder o serviço e, respetivamente, o parcial.

A segunda partida começou com o tenista português ao ataque e à procura da cambalhota no marcador. Os dois trocaram breaks numa fase inicial, mas foi Borges a sair por cima e a adiantar-se por 4-2. Contudo, Fanselow voltou a recuperar e o set seguiu para o tiebreak, onde o tenista germânico foi superior.

Com duas finais nas últimas duas semanas, ainda que ambas perdidas, Nuno Borges continua a atravessar um bom momento de forma. O tenista de 23 anos vai agora tentar transportar esse momento para o Lisboa Belém Open, torneio da categoria Challenger no qual vai participar esta semana.

Total
9
Shares
Total
9
Share