Duplamente azarado Ofner entre os qualifiers no Lisboa Belém Open

Beatriz Ruivo/Lisboa Belém Open

Sebastian Ofner (168.º do “ranking” ATP), Guilherme Clezar (263.º), Borna Bojo (270.º) e Dimitar Kuzmanov (295.º) conquistaram, este domingo, o direito a disputar o quadro principal de singulares do Lisboa Belém Open, torneio do ATP Challenger Tour organizado no CIF pela Unisports, a MP Ténis e a Federação Portuguesa de Ténis e com os apoios da Câmara Municipal de Lisboa e da Junta de Freguesia de Belém.

O primeiro a seguir em frente foi, também, o mais cotado dos jogadores que pisaram os “courts” de terra batida do histórico clube lisboeta: um dia depois de derrotar o jovem “wild card” português Pedro Araújo, Ofner superou o francês Tristan Lamasine por 6-4 e 6-3, num encontro em que deixou bem evidente a diferença de nível e o ténis que faz dele um jogador com uma classificação bem dentro do top 200.

O tenista austríaco de 24 anos teria, aliás, “ranking” para entrar diretamente no quadro principal do Lisboa Belém Open (onde jogou as meias-finais há dois anos), mas foi “traído” pela vontade de competir um nível acima: “Decidi tentar jogar torneios ATP e acabei por esperar tanto que esqueci-me de fazer a inscrição neste Challenger. Ainda bem que há o ‘qualifying’.

Superado um fim de semana “com dois encontros sólidos”, Sebastian Ofner não hesitou em apontar o adversário que queria evitar na primeira ronda do quadro principal, mas a sorte voltou a não querer nada com ele e, na segunda-feira, o austríaco terá mesmo de regressar ao “court” para defrontar Jaume Munar (o espanhol que é o primeiro cabeça de série e número 109 do “ranking”) no último duelo agendado para o Estádio CIF (não antes das 14h30).

Nos restantes encontros do dia, Guilherme Clezar impôs-se na batalha 100% brasileira com Orlando Luz (6-4 e 6-3), Borna Gojo deu continuidade à vitória sobre o português Tiago Cação ao derrotar Kacper Zuk (por 6-1, 6-7[5] e 6-3) e Dimitar Kuzmanov beneficiou da desistência de Adrian Menendez-Maceiras, lesionado, quando liderava por 5-2 no primeiro “set” para completar o lote de tenistas apurados para o quadro principal do Lisboa Belém Open.

O tenista búlgaro será, aliás, o primeiro adversário de Frederico Silva, que abre a ação da comitiva lusa no que ao quadro principal diz respeito (segundo encontro do dia no Estádio CIF, nunca antes das 11h30). Para além do caldense, também João Domingues (oitavo cabeça de série, contra Benjamin Bonzi) e Gonçalo Oliveira (“wild card”, defronta Blaz Rola, sétimo favorito) irão a jogo na jornada de segunda-feira.

Total
1
Shares
Total
1
Share