Pedro Sousa cai na estreia em Barcelona para prodígio espanhol

Beatriz Ruivo/FPT

Depois do vice-campeonato em Split, Pedro Sousa voltou esta terça-feira a entrar em court no circuito Challenger. O tenista português foi derrotado na primeira ronda em Barcelona pelo talentoso Carlos Alcaraz (189.º ATP), um dos grandes nomes da nova geração do ténis espanhol, por 6-3 e 6-3.

A defender o estatuto de terceiro cabeça de série, Pedro Sousa pagou caro uma entrada a meio gás na primeira partida. O lisboeta quebrou o serviço de Alcaraz no primeiro jogo, mas veio a ceder o serviço por três vezes consecutivas  – pelo meio ainda conseguiu um segundo break a favor – e acabou por perder o primeiro set.

O arranque do segundo parcial foi mais tranquilo para o 113.º colocado do ranking ATP, que venceu os primeiros jogos de serviço com autoridade e cheirou o break no quarto jogo, no qual teve dois break points a favor. No entanto, como diz o ditado, “quem não mata, morre” e a reta final do set foi madrasta para o tenista português, que cedeu o serviço no sétimo jogo e, pouco depois, quando servia para se manter na discussão do encontro, voltou a ser quebrado.

Desta forma, as atenções do tenista luso viram-se para Lisboa, onde disputará o próximo torneio. O evento, da categoria Challenger, tem Jaume Munar como o melhor cotado entre os inscritos, seguido precisamente de Pedro Sousa.

Total
2
Shares
Total
2
Share