Francisca Jorge “radiante” com meias-finais no Porto, mas quer mais

PORTO — O sorriso não deixou margens para quaisquer dúvidas: depois de regressar ao court para concluir com sucesso um encontro que tinha ficado em suspenso na jornada anterior e chegar pela primeira vez às meias-finais de singulares de um ITF de 25 mil dólares, Francisca Jorge espelhou no sorriso toda a alegria sentida ao conseguir superar uma barreira importante no Porto Open.

“Estou muito contente, como estás a ver pelo meu grande sorriso”, desabafou ao Raquetc logo depois da reviravolta consumada. “Sinto que joguei bem e fui bastante competente no segundo set. Ontem o primeiro foi muito rápido, eu estava a fazer bons pontos e a dominar a maioria, mas ela é ‘carraça’ e na corrida devolvia as bolas com muita qualidade. Forçou-me a querer fazer mais em cada bola para terminar e isso resultou nalguns erros, não muitos, mas fizeram a diferença. Mas hoje estive muito bem, tentei ser agressiva e fazer mais variações e acho que concretizei bem isso.”

Com “condições horríveis” na jornada de sexta-feira, em que se iniciou o encontro, a tetracampeã nacional mostrou-se feliz por ter ficado com a tarefa para concluir este sábado. “Hoje o dia estava muito melhor e sinto que quase comecei a jogar hoje, porque agarrei-me logo nos momentos importantes e isso fez a diferença.”

Apurada para as primeiras meias-finais em torneios da categoria (uma barreira importante, que se traduz na conquista imediata de significativos 18 pontos para o ranking), Francisca Jorge quer mais: “É para jogar, para aproveitar ao máximo e para ganhar”, revelou a propósito do duelo com a segunda cabeça de série, Cristina Bucsa, que venceu o Porto Open em 2018, o último ano do torneio na terra batida do Clube de Ténis do Porto.

A única incógnita é a data do encontro: se ainda este sábado, se no domingo. E tudo depende do que acontece no duelo dos quartos de final entre Beatriz Haddad Maia e Jule Niemeir — no caso de vitória da brasileira, ambas as meias-finais femininas são adiadas para domingo (que será, então, de jornada dupla) de forma a colocar todas as protagonistas em igualdade.

Total
2
Shares
Total
2
Share