Pedro Sousa apura-se para as primeiras meias-finais do ano em Challengers

Pela primeira vez na temporada, e 25.ª na carreira, Pedro Sousa vai disputar as meias-finais de um torneio do ATP Challenger Tour, em Split, Croácia.

Primeiro cabeça de série, o número dois nacional e 113 do ranking mundial confirmou o favoritismo sobre o argentino Tomas Martin Etcheverry (258.º) e venceu em duas partidas, com os parciais de 6-4 e 7-6(7).

De volta ao circuito secundário depois de uma passagem desapontante por Roland-Garros, onde caiu na ronda inaugural do qualifying, Sousa até poderia ter selado a vitória mais cedo, dado que dispôs de três match points no serviço ao 5-4, mas o argentino — que no ano passado esteve em Portugal a jogar torneios ITF — foi à luta e ainda conseguiu forçar o tie-break, em que até foi o primeiro tenista a dispor de um ponto para o vencer.

Apesar de serem as primeiras meias-finais de 2020 para o lisboeta no circuito secundário, serão as segundas no cômputo geral, depois de em fevereiro ter disputado pela primeira vez um encontro decisivo no circuito ATP, em Buenos Aires.

A separá-lo da 14.ª final Challenger da carreira, Pedro Sousa terá o vencedor do encontro entre Alessandro Giannessi (172.º) e Borna Gojo (270.º).

Total
3
Shares
Total
3
Share