Pedro Sousa regressa ao circuito Challenger com vitória em Split

Beatriz Ruivo/FPT

Após a derrota no qualifying de Roland Garros, Pedro Sousa está esta semana de regresso ao circuito Challenger. O número dois nacional compete na Croácia, mais concretamente na cidade de Split, e assegurou esta segunda-feira o apuramento para a segunda ronda do torneio, no qual é o primeiro cabeça de série. O lisboeta venceu o francês Hugo Grenier (249.º ATP) por 6-4 e 6-4.

O encontro começou muito bem para o 113.º colocado da hierarquia mundial, que conseguiu quebrar o serviço de Grenier após um longo primeiro jogo. De seguida, Sousa não só confirmou o break com o jogo de serviço (no qual teve de salvar um break point), como conseguiu uma segunda quebra do serviço do tenista gaulês. Com a vantagem de 3-0, o tenista lisboeta parecia caminhar para um primeiro set tranquilo. Contudo, Grenier conseguiu o contra break e manteve-se à espreita, à espera de uma oportunidade para voltar à discussão do parcial. Tal, porém, nunca veio a acontecer e, já depois de ter desperdiçado dois set points na resposta ao serviço do adversário, Pedro Sousa acabou por confirmar a vitória na primeira partida com um jogo de serviço em branco.

A segunda partida foi muito parecida com a primeira. Sousa quebrou o serviço de Grenier logo no primeiro jogo e colocou-se numa excelente posição para carimbar o triunfo em parciais diretos. O tenista português não deixou de pressionar o adversário e ficou muito próximo de replicar o duplo break do primeiro set. No entanto, o francês conseguiu salvar três break points e impediu o 3-0. A vencer os jogos de serviço com facilidade, Sousa pôde focar-se na resposta e conseguiu voltar a ferir o oponente com um segundo break. Logo de seguida, o tenista de 32 anos avançou para o 5-1 e ficou a um jogo de selar o triunfo.

Com dificuldade, Grenier conseguiu reduzir para 5-2 e obrigar Pedro Sousa a ter que fechar o encontro ao serviço. O tenista português cedeu à pressão, foi quebrado com um jogo em branco por parte do francês e de repente viu Grenier encurtar a diferença para 5-4. De volta ao serviço para vencer a partida, Sousa não voltou a ceder e concluiu o encontro ao fim de uma hora e 29 minutos com um jogo de serviço convincente, no qual cedeu apenas um ponto.

Depois de conquistada a primeira vitória em Split, Pedro Sousa prepara agora o embate da segunda ronda. O tenista português, de resto, já conhece o adversário: Zdenek Kolar, número 219 do mundo, que venceu Mitchell Krueger (187.º) por 6-2 e 6-3. Este vai ser o primeiro encontro entre Kolar e Sousa.

Total
1
Shares
Total
1
Share