Nadal: “Não é altura de encontrar desculpas, mas sim de aceitar que não joguei suficientemente bem”

Rafael Nadal foi derrotado por Diego Schwartzman nos quartos de final do ATP Masters 1000 de Roma, o torneio que marcou o regresso do espanhol ao circuito mundial mais de sete meses depois de ter competido pela última vez.

E não houve espaço para desculpas: “Podemos encontrá-las, mas não é a altura de o fazer. Neste momento tenho de aceitar que não joguei suficientemente bem e pensar em como é que posso corrigir o que falhou. Depois de tanto tempo sem competir fiz dois bons encontros e agora tive um mau contra um adversário muito bom.”

Desiludido com a prestação em Roma, o maiorquino vai regressar a Espanha para fazer os últimos ajustes antes de regressar a Paris, onde procurará o 13.º título de campeão de Roland Garros.

Total
2
Shares
Total
2
Share