Georgina Garcia-Perez vence final dramática de 4 horas na Figueira da Foz

FIGUEIRA DA FOZGeorgina Garcia-Perez é a campeã de 2020 do Figueira da Foz International Ladies Open. Número 283 do ranking WTA, a espanhola teve de lutar durante 4h06 e salvar três match points no segundo set para derrotar a brasileira Bia Haddad Maia (campeã em Montemor-o-Novo há uma semana), por 6-7(10), 7-5 e 6-4, e ficar com o título — o 11.º da carreira e primeiro desde 2018.

Numa final jogada ao mais alto nível do início ao fim, só o vento que surgiu a meio da segunda partida atrapalhou ligeiramente a qualidade de jogo (forçou, inclusive, Haddad Maia a servir por baixo em várias ocasiões).

Favorita à vitória pelo currículo e pelo momento de forma, a jogadora paulista esteve perto de colocar as mãos no troféu não por uma, não por duas, mas por três vezes, só que as oportunidades de que dispôs no tie-break do segundo set revelaram-se insuficientes. Visivelmente mais cansada (apesar da vitória por 6-0 e 6-0 nas meias-finais também disputou a final de pares e nos quartos de final já tinha estado três horas em campo), Haddad Maia conseguiu, no entanto, recompor-se para a partida decisiva e até foi a primeira a consumar uma quebra de serviço, mas uma vez mais não soube aproveitar a vantagem criada e acabou por ver a final fugir-lhe das mãos: a partir do 4-2 não voltou a progredir no marcador e acabou por ser a espanhola, top 200 há dois anos, a conseguir a vitória.

[WC] Bia Haddad Maia (BRA) vs. [5] Georgina Garcia-Perez (ESP), FINAL do Figueira da Foz International Ladies Open:

Publicado por Raquetc em Domingo, 13 de setembro de 2020

Total
1
Shares
Total
1
Share