Inês Murta chega à final de pares mais importante da carreira na Figueira da Foz

FIGUEIRA DA FOZInês Murta encerrou a longa jornada de sexta-feira no Tennis Club da Figueira da Foz com uma vitória que lhe deu acesso à 24.ª e mais importante final de pares da carreira.

Ao lado da sueca Jacqueline Cabaj Awad, com quem recebeu um wild card para disputar o ITF de 25 mil dólares + hospitalidade da Figueira da Foz, a tenista algarvia de 23 anos superou as segundas cabeças de série, Carolina Meligeni Alves e Valentini Grammatikopoulou, por 6-4 e 7-6(5) num encontro bem disputado.

Com esta vitória, Inês Murta garantiu a presença na 24.ª final da carreira na variante de pares (!) — mais do que os aniversários que já celebrou — e colocou-se a uma vitória de conquistar o 11.º título, que a confirmar-se será o mais importante.

Na decisão de sábado, marcada para não antes das 16h e com transmissão em direto no Facebook do Raquetc, Inês Murta e Jacqueline Cabaj Awad não terão tarefa fácil: vão defrontar as brasileiras Beatriz Haddad Maia (que antes joga as meias-finais de singulares) e Ingrid Gamarra Martins, que tal como elas estão a competir graças a um wild card.

INÊS MURTA (POR) e Jacqueline Cabaj Awad vs. Carolina Meligeni Alves (BRA) e Valentini Grammatikopoulou (GRE), meia-final do Figueira da Foz International Ladies Open:

Publicado por Raquetc em Sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Total
2
Shares
Total
2
Share