Matilde Jorge sagra-se bicampeã nacional de sub 16

Beatriz Ruivo/FPT

Jamor, OEIRAS — Um ano depois, o mesmo desfecho: Matilde Jorge (CT Guimarães) derrotou Mafalda Guedes (ET Maia) para se sagrar bicampeã nacional de singulares de sub 16, selando de forma perfeita a despedida do escalão.

Na reedição da final nortenha do ano passado, a jovem vimaranense — que faz parte do Centro de Alto Rendimento da Federação Portuguesa de Ténis — levou a melhor num encontro equilibrado, que se prolongou por mais de duas horas, para vencer por 7-5 e 6-4 e revalidar o título.

Matilde Jorge vs. Mafalda Guedes, FINAL do Campeonato Nacional de Sub 16:

Publicado por Raquetc em Sábado, 5 de setembro de 2020

“É sempre bom ganhar um Campeonato Nacional e neste caso estou muito feliz por ter conseguido revalidar o título”, começou por revelar a jovem tenista de 16 anos. “Os encontros contra a Mafalda são sempre difíceis, ela é uma grande amiga minha e eu sabia que íamos entrar as duas a jogar para ganhar.”

Apesar de já ter vários títulos no currículo (dois em sub 12, dois em sub 14, dois em sub 16 e até um em sub 18 — contagem apenas referente à variante de singulares), Matilde Jorge nunca tinha jogado no histórico “court” Central do Jamor e admitiu que o palco acrescentou um significado especial à conquista: “Treino aqui todos os dias desde que me juntei à equipa do Centro de Alto Rendimento, mas nunca tinha jogado um Campeonato Nacional no Jamor e teve um significado diferente, também porque agora é a minha nova casa.”

Com o objetivo de obter “um bom ranking” em juniores, a mais nova das irmãs Jorge parte agora para o Norte do país, onde vai disputar dois torneios internacionais que, espera, a ajudem a aproximar-se da possibilidade de jogar um torneio do Grand Slam.

Última atualização às 15h28.

Total
3
Shares
Total
3
Share