Milos Raonic perde batalha com compatriota e está fora do US Open

O canadiano Milos Raonic foi esta quinta-feira afastado do US Open. Na segunda ronda da prova, o número 18 mundial foi surpreendido pelo compatriota Vasek Pospisil (94.º ATP), com os parciais de 6-7(1), 6-3, 7-6(4) e 6-3.

O tenista de 29 anos vinha a jogar um bom ténis, que lhe valeu a presença na final do Western & Southern Open, mas não conseguiu replicar o estilo de jogo que tem apresentado. As respostas profundas e a direita demolidora com que vinha a contar não se fizeram sentir e no capítulo do serviço Pospisil também foi um adversário à altura. O menor cotado arrancou 20 ases, menos nove do que Raonic, mas também cometeu apenas cinco duplas-faltas, menos seis do que o compatriota.

Raonic até saiu na frente do marcador, ao levar de vencida um tiebreak onde conseguiu ser controlador. No entanto, a resposta de Pospisil foi de grande nível. O canadiano teve no serviço uma arma que se revelou demasiado forte para Raonic conseguir contornar. Para além disso, no capítulo da resposta Pospisil foi bastante superior e precisou de converter apenas dois dos dez break points que teve à disposição.

Ao lograr uma das maiores surpresas do dia, Vasek Pospisil garantiu um lugar na terceira ronda da prova. O canadiano vai agora defrontar o oitavo cabeça de série, Roberto Bautista Agut (11.º), que venceu Miomir Kecmanovic (47.º) por 6-3, 3-6, 6-3 e 6-4.

Total
3
Shares
Total
3
Share