Maria Inês Fonte nas meias-finais de pares do Montemor Ladies Open

Beatriz Ruivo/FPT

Maria Inês Fonte igualou, esta quarta-feira, o melhor resultado da carreira em pares no circuito internacional, ao avançar para as meias-finais do Montemor Ladies Open, em Montemor-o-Novo.

A jogar ao lado da ex-top 100 de singulares Beatriz Haddad Maia, a jovem maiata de 18 anos sorriu por último num duelo entre wild cards e compatriotas, ao levar a melhor sobre Ana Filipa Santos e a espanhola Julia Payola no match tie-break, com os parciais de 6-7(5), 6-4 e 10-7.

Chegada diretamente do Lousada Ténis Atlântico, onde conquistou o título de campeã nacional de sub 18, a jogadora do Centro de Alto Rendimento da Federação Portuguesa de Ténis não conseguiu ter uma palavra a dizer nos singulares, mas encontrou os bons resultados nos pares e esta quinta-feira igualou o melhor resultado da carreira — já tinha disputado as meias-finais de um torneio de 25 mil dólares em 2019, em Óbidos.

Na quinta-feira, Maria Inês Fonte e Beatriz Haddad Maia vão discutir a passagem à final com as britânicas Jodie Anna Burrage e Olivia Nicholls, quartas cabeças de série.

Antes, a tenista brasileira — que já foi top 100 mundial e não competia há um ano — terá os quartos de final de singulares para disputar, tal como Burrage, que é a primeira pré-designada do torneio.

Total
1
Shares
Total
1
Share