Kontaveit e Ferro discutem este domingo o primeiro título WTA pós-confinamento

Jimmie48 Photography/WTA

O primeiro torneio WTA realizado depois da paragem devido à pandemia de Covid-19 conhece o último capítulo este domingo. O Palermo Ladies Open chega ao último dia com Anett Kontaveit e Fiona Ferro como as últimas sobreviventes de uma longa semana de ténis na cidade italiana.

Este sábado, a tenista da Estónia, que ocupa o estatuto de quarta cabeça de série, levou a melhor sobre a número 15 mundial Petra Martic, a melhor cotada da prova. Kontaveit, que jogou a primeira meia-final WTA desde Estugarda, em 2019, dominou por completo o primeiro parcial. No segundo set, a tenista de 24 anos cedeu o serviço logo no primeiro jogo, mas foi capaz de operar a reviravolta para selar o triunfo ao fim de 79 minutos, com os parciais de 6-2 e 6-4.

O verdadeiro thriller do dia foi entre a francesa Fiona Ferro e a italiana Camila Giorgi. A transalpina, que transportava consigo a última esperança dos italianos na prova, controlou facilmente o primeiro set e adiantou-se no marcador. Contudo, os papéis inverteram-se e no segundo parcial foi Ferro a assumir as rédeas do encontro e a igualar a contenda.

A partida seguiu para o terceiro e decisivo set, onde a balança se equilibrou. A francesa, que apresentou muito bom ténis durante toda a semana, foi a primeira a chegar ao break e adiantou-se por 3-1. A vantagem de Ferro durou quase todo o parcial e a gaulesa chegou a servir para a conclusão do encontro. Nessa altura, Giorgi conseguiu recuperar o break de atraso e igualar a contenda a cinco jogos. Porém, Ferro voltou a quebrar o serviço da adversária logo a seguir e, à segunda tentativa, serviu com sucesso para concluir o encontro com os parciais de 2-6, 6-2 e 7-5.

Este domingo, Fiona Ferro e Anett Kontaveit vão discutir a conquista do troféu. Para a estónia trata-se da oportunidade de chegar ao segundo título WTA da carreira. Para a francesa esta é a segunda final que disputa.

Total
2
Shares
Total
2
Share