Wawrinka abdica do US Open… para regressar aos Challengers ao fim de 10 anos

O suíço Stan Wawrinka foi um dos tenistas cujo nome não estava inscrito na entry list do US Open. O campeão da edição de 2016 do Grand Slam norte-americano não vai estar presente em Nova Iorque e optou antes por regressar aos torneios Challenger pela primeira vez em dez anos.

A última vez que Wawrinka atuou num evento Challenger foi em 2010, quando o helvético ergueu o troféu na cidade de Lugano, no país natal. A conquista na Suíça foi a sexta do tenista de 35 anos no circuito.

Agora, e de olhos postos em Roland Garros, Stan Wawrinka vai jogar dois torneios Challenger na cidade checa de Praga, enquanto o US Open se disputa do outro lado do mundo. O tenista suíço é só um de vários nomes que não quiseram viajar para Nova Iorque e atuar no segundo Grand Slam da época, devido à pandemia de Covid-19.

Total
3
Shares
Total
3
Share