Frederico Silva categórico derrota João Sousa e é campeão em Lisboa

Beatriz Ruivo/FPT

Chegou ao fim a segunda etapa do Circuito Sénior FPT — e que etapa: este domingo, Frederico Silva (193.º do ranking ATP) surpreendeu João Sousa (66.º) numa final entre os dois favoritos para ficar com o título no Lisboa Racket Centre.

Frente a frente com o compatriota pela primeira vez no contexto competitivo, depois de já terem treinado juntos em diversas ocasiões (as últimas precisamente no clube lisboeta), Frederico Silva conseguiu impor-se em apenas duas partidas para vencer com os parciais de 6-3 e 6-4 e fechar com chave de ouro uma excelente semana.

No encontro mais aguardado da semana, Frederico Silva conseguiu jogar o ténis que o caracteriza e depressa colheu os frutos: muito agressivo a responder ao serviço de João Sousa e a bater todas as pancadas de fundo do court, com particular destaque para a esquerda ao longo direcionada para a esquerda do vimaranense, chegou rapidamente a uma liderança de 5-1 que lhe deu o à vontade para lutar categoricamente pela vitória e criar muitas dificuldades ao adversário, que não conseguiu controlar os pontos com a pancada de direita nem correspondeu ao “poder de fogo” de que precisava para um desfecho diferente.

Em termos de ranking, a vitória deste domingo traduz-se na melhor da carreira de Frederico Silva, que antes de João Sousa já tinha superado outros três jogadores do top 100 mundial: Yuichi Sugita (99.º), Kamil Mahchrzak (84.º) e Denis Istomin (74.º).

Concluída a etapa do Lisboa Racket Centre, o Circuito Sénior da Federação Portuguesa de Ténis (que na primeira semana tinha coroado Nuno Borges como campeão) segue para o Tennis Club da Figueira da Foz, onde se disputa o último torneio com 15 mil euros em prémios monetários. Depois, joga-se o Campeonato Nacional Absoluto, no Complexo Desportivo do Monte Aventino (Porto, 20 mil euros em prémios).

Última atualização às 14h46.

Total
46
Shares
Total
46
Share