Secretário de Estado da Juventude e do Desporto visitou o regresso do ténis

Beatriz Ruivo/FPT

Dois dias depois de dar as boas vindas ao presidente do Comité Olímpico de Portugal, Vasco Costa, presidente da Federação Portuguesa de Ténis, recebeu esta quinta-feira João Paulo Rebelo, Secretário de Estado da Juventude e do Desporto (SEJD), que aproveitou uma oportunidade entre reuniões para visitar “ao vivo e a cores” a retoma do ténis competitivo.

No Lisboa Racket Centre, onde decorre a segunda etapa do novo Circuito Sénior FPT, o SEJD quis “simbolizar o regresso do desporto, ainda não exatamente como o conhecíamos antes, porque não podemos ter público, mas que é uma boa notícia para o ténis em particular, o desporto em geral e, sobretudo, para os atletas”.

Depois de trocar impressões com várias figuras do ténis nacional, como João Sousa, Pedro Sousa, Frederico Silva (três dos quatro melhores portugueses no “ranking” ATP) e Francisca Jorge (a número um nacional e campeã da primeira etapa do Circuito Sénior FPT), João Paulo Rebelo contou que “todos me foram dizendo que estão já no seu pico de forma [à exceção de Pedro Sousa, a recuperar de lesão]” e deu a garantia de estar a trabalhar “para que haja o menor impacto possível desta paragem no futuro”.

A visita ao segundo torneio do Circuito Sénior FPT proporcionou ao Secretário de Estado da Juventude e do Desporto uma experiência inédita desde o começo da pandemia: “É a primeira competição que estou a acompanhar ao vivo e a cores desde o início da pandemia. Sendo o ténis uma das minhas modalidades favoritas, é uma feliz coincidência estar a acontecer.”

“Preocupa-nos que haja um menor impacto possível no futuro desta paragem e por isso é tão essencial o trabalho destes clubes, de base local, de manterem as suas atividade e os seus praticantes e os atletas envolvidos. Como sabemos, um dos grandes perigos que o desporto tem é não retomarmos e perdermos o hábito quando paramos durante algum tempo. Ao nível dos atletas de alto rendimento não é assim que acontece, mas temos de nos preocupar com os praticantes de uma forma geral”, finalizou João Paulo Rebelo.

Total
3
Shares
Total
3
Share