Inglório: Fábio Coelho nas meias-finais de pares mas Loulé Open foi cancelado

LOULÉ — Não há mais ténis. Nem esta semana nem nas próximas, nem em Loulé nem no resto do mundo. Esta quinta-feira, a ATP e a ITF colocaram um ponto final em muita especulação e anunciaram suspensões totais de seis e cinco semanas, respetivamente, como resposta ao surto de Covid-19.

Em Loulé, onde se jogava a 10.ª edição de um torneio internacional masculino de 15 mil dólares, a jornada foi interrompida pouco depois de se verificar uma vitória portuguesa: ao lado de Jonathan Binding, Fábio Coelho tinha derrotado os belgas Arnaud Bovy e Gauthier Onclin por 1-6, 6-4 e 10-8 para chegar às meias-finais de pares.

Mas as decisões tomadas pela ATP e a ITF significam que todos os torneios que estavam a decorrer — independentemente do país ou da categoria — foram interrompidos e cancelados, pelo que o jogador português (que já era o único em prova) não poderá voltar à ação para tentar carimbar o acesso à primeira final da carreira no circuito internacional.

Se as suspensões se cingirem ao que foi anunciado esta quinta-feira, o circuito ATP estará de regresso a 27 de abril — a tempo do Millennium Estoril Open — e as provas ITF na semana anterior, a 20 de abril.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."