Fábio Coelho vence em pares e é o único português em prova no Loulé Open

LOULÉ — Ao último sopro, um suspiro: Fábio Coelho carimbou o apuramento para os quartos de final do quadro de pares e garantiu a continuidade da representação portuguesa no Loulé Open por mais um dia depois de uma jornada totalmente negra em singulares.

O jogador da Escola de Ténis da Maia tinha sido um dos cinco portugueses a perder em singulares mas conseguiu fechar o dia com boas sensações ao triunfar por 6-4 e 6-1 com o britânico Jonathan Binding contra o compatriota Afonso Salgado e o brasileiro Filipe Brandão, em 53 minutos.

Desta forma, Coelho e Binding marcaram encontro com os belgas Arnaud Bovy e Gauthier Onclin nos quartos de final de pares e voltam ao campo na quinta-feira.

Fábio Coelho (POR) & Jonathan Binding (GBR) vs. Afonso Salgado (POR) & Filipe Brandão (BRA), 1R #LouléOpen:

Publicado por Raquetc em Quarta-feira, 11 de março de 2020

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."