Pedro Araújo e Gonçalo Falcão eliminados por cabeças de série em Faro

Pedro Araújo e Gonçalo Falcão, dois dos quatro jogadores convidados pela organização para o quadro principal de singulares do Faro Open, foram esta quarta-feira derrotados por cabeças de série na eliminatória inaugural.

Depois de uma semana de destaque em Vale do Lobo, onde passou por toda a fase de qualificação e só foi travado na segunda ronda da grelha, Pedro Araújo não conseguiu reunir argumentos para o sexto cabeça de série Sebastian Fanselow (572.º) e perdeu por 6-2 e 6-3.

Cenário semelhante viveu Gonçalo Falcão, que depois de vencer quatro encontros no quadro de pré-qualificação que lhe valeram um wild card foi travado por Ricardo Ojeda Lara (472.º) — o quarto favorito e campeão em Vale do Lobo no domingo, que triunfo com os parciais de 6-3 e 6-4.

Estes resultados deixam o quadro principal de singulares do Faro Open com apenas com apenas dois representantes nacionais: Tiago Cação, que tem a seu cargo o estatuto de oitavo favorito, e Afonso Salgado, outro dos portugueses convidados pelo torneio.

Total
10
Shares
Total
10
Share