Luís Faria afastado após reviravolta na primeira ronda do Faro Open

A primeira jornada relativa ao quadro principal de singulares da 29.ª edição do Faro Open não correu bem à comitiva portuguesa: depois de Tiago Torres, também Luís Faria foi travado na eliminatória inaugural.

O jovem vimaranense de 20 anos (número 799 do ranking ATP) até entrou bem no encontro, mas não conseguiu segurar o ascendente e com uma reviravolta rápida acabou por ceder para o indiano Arjun Kadhe (669.º) com os parciais de 2-6, 6-1 e 6-0, em 1h27.

A derrota de Luís Faria deixa Tiago Cação (oitavo pré-designado) e os wild cards Gonçalo FalcãoPedro AraújoAfonso Salgado — todos ainda à espera de entrarem em ação — como os únicos representantes portugueses ainda em prova.

Para esta terça-feira ainda estão ainda previstos dois encontros com jogadores lusos, mas em pares: Fábio Coelho e João Graça medem forças com Afonso Salgado e Tiago Torres num duelo de wild cards, enquanto Tiago Cação une esforços com o britânico Jonathan Binding para defrontar os franceses Louis Dussin e Ronan Joncour.

Total
10
Shares
Total
10
Share