Gonçalo Oliveira fica perto das meias-finais em Calgary

Gonçalo Oliveira
Fernando Correia/Lisboa Belém Open

Se na variante de pares a temporada tem estado a correr de feição a Gonçalo Oliveira (já jogou duas finais Challenger, das quais venceu uma) em singulares o tenista português estava a atravessar um momento difícil mas em Calgary conseguiu reencontrar-se com as boas sensações e só de lá saiu depois de ter estado muito perto de atingir as meias-finais.

Número 287 do ranking ATP, o tenista português (que já foi 194.º) só foi travado pelo britânico Liam Broady (230.º e ex-154.º) ao fim de 2h35, pelos equilibrados parciais de 7-6(4), 2-6 e 6-4.

E o encontro poderia muito bem ter caído para o lado de Oliveira, que não só liderou a primeira partida por 4-1 como por 5-3 e dispôs de quatro set points antes de ceder o serviço pela última vez.

Total
3
Shares
Total
3
Share