Acapulco. Nadal “atropela” Kwon e marca encontro com Dimitrov nas meias-finais

O espanhol Rafael Nadal garantiu um lugar nas meias-finais do ATP 500 de Acapulco. Esta quinta-feira, o maiorquino bateu o sul-coreano Soonwoo Kwon (#76 ATP) de forma clara, com os parciais de 6-2 e 6-1, e agendou um encontro com o búlgaro Grigor Dimitrov na penúltima ronda do torneio mexicano.

O encontro não apresentou grande história, com Nadal a voltar a revelar dificuldades em colocar os primeiros serviços – terceiro jogo consecutivo abaixo dos 60% – mas a revelar-se muito eficaz na segunda bola (venceu 64% dos pontos) e nas horas de aperto, tendo salvo os oito pontos de break que enfrentou.

O adversário do número dois mundial nas meias-finais será então o búlgaro Grigor Dimitrov, número 22 do Mundo, que alcançou uma boa vitória perante Stan Wawrinka (#16). Dimitrov serviu muito bem, com 76% de primeiros serviços colocados, e criou muitas dificuldades a Wawrinka na resposta. O búlgaro massacrou o segundo serviço do helvético, vencendo 62% desses pontos.

Para além do confronto entre Rafael Nadal e Grigor Dimitrov, também John Isner (#20) e Taylor Fritz (#35) vão jogar entre si por um lugar na final. Isner saiu vencedor de um duelo de três sets frente ao qualifier Tommy Paul, com parciais de 7-6(3), 3-6 e 6-2, enquanto Fritz levou a melhor sobre o britânico Kyle Edmund por 6-4 e 6-3.

Daniel Sousa
Adepto do desporto em geral mas com especial carinho pela "bolinha saltitona". O bichinho surgiu ainda Rafael Nadal não tinha mangas e não mais saiu. Chegada a oportunidade do Raquetc, juntamente com a minha ambição de ser jornalista, foi fácil aceitar juntar-me à equipa.