João Monteiro termina como vice-campeão na primeira final em mais de um ano

Beatriz Ruivo/Federação Portuguesa de Ténis

João Monteiro ficou muito perto do primeiro título do ano: este domingo, na final de singulares do quinto torneio internacional de 15 mil dólares organziado em Monastir, na Tunísia, o portuense só perdeu depois de três equilibrados parciais.

Depois de ultrapassar toda a fase de qualificação, o portuense de 26 anos (1192.º do ranking) brilhou no quadro principal e só foi travado pelo também qualifier Aziz Kijametovic (942.º), da Bósnia-Herzegovina, por 3-6, 7-6(4) e 7-5 ao fim de 2h29.

Foi a primeira final disputada por João Monteiro desde outubro de 2018 e o portuense procurava o 11.º título de singulares da carreira. Ainda assim, despede-se do torneio já com 16 triunfos este ano e mais um salto garantido na próxima atualização do ranking.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."