Francisca Jorge começa o ano como finalista de pares em Estugarda

Fotografia: André Ferreira/Federação Portuguesa de Ténis

Se em singulares a primeira semana do novo ano de Francisca Jorge não se destacou, em pares a conversa foi bem diferente: a número um nacional e 567 WTA terminou o ITF de 15.000 dólares de Estugarda, na Alemanha, como vice-campeã.

A jogar ao lado de Karolina Berankova, a jogadora natural de Guimarães defendia o estatuto de terceira cabeça de série e só foi travada no encontro de atribuição do título: 7-5 e 6-2 foram os parciais que deram a Alena Fomina, da Rússia, e Angelica Moratelli, de Itália, o troféu de vencedoras.

Foi a 17.ª presença numa final de pares para Francisca Jorge, que falhou a conquista do quinto título da carreira e primeiro na temporada de 2020.

Agora, segue-se nova participação ao serviço de Portugal na Fed Cup. A seleção nacional vai competir no Grupo II da Zona Europa/África entre os dias 4 e 7 de fevereiro, tendo viagem marcada para Helsínquia, na Finlândia, no dia 2.

Total
2
Shares
Total
2
Share