ATP Cup. O alinhamento e os horários dos quartos de final da primeira edição

Depois de seis dias dedicados à fase de grupos, a ATP Cup aproxima-se dos momentos decisivos e o primeiro dos quatro encontros dos quartos de final disputa-se já na manhã desta quinta-feira em Sydney (ainda de madrugada em Portugal Continental), a cidade escolhida para receber os últimos dias da nova competição do circuito masculino.

  • Grã-Bretanha vs. Austrália | A partir das 10h de 9 de janeiro (23h de dia 8 em Portugal Continental)

Foi o primeiro embate a ficar definido e é o primeiro a ser disputado. A anfitriã Austrália, que terminou a fase de grupos com um registo perfeito (9-0) e a Grã-Bretanha, que celebrou a passagem “no sofá”, serão as equipas protagonistas do primeiro encontro dos quartos de final, marcado para a madrugada de quinta-feira em Portugal.

Se não se verificarem alterações (e é importante ressalvar que nas últimas duas jornadas os australianos deixaram de fora Nick Kyrgios e Alex de Minaur, respetivamente) o alinhamento da eliminatória será este:

— Nick Kyrgios vs. Cameron Norrie
— Alex de Minaur vs. Daniel Evans
— John Peers/Chris Guccione vs. Jamie Murray/Joe Salisbury

  • Argentina vs. Rússia | Não antes das 17h30 de 9 de janeiro (6h30 em Portugal Continental)

Com muita classe, a Argentina afastou a Croácia com um 3-0 perfeito na jornada desta quarta-feira e selou a passagem à fase seguinte para encontrar a Rússia, que já tinha impressionado nas Davis Cup Finals e agora, reforçada com a grande estrela que dá pelo nome de Daniil Medvedev, não desiludiu.

Uma vez mais, salvo alterações será este o alinhamento do segundo e último encontro dos quartos de final a acontecer na quinta-feira (já de manhã em Portugal):

— Guido Pella vs. Karen Khachanov
— Diego Schwartzman vs. Daniil Medvedev
— Maximo Gonzalez/Andres Monteni vs. Daniil Medvedev/Karen Khachanov

  • Sérvia vs. Canadá | A partir das 10h de 10 de janeiro (23h de dia 8 em Portugal Continental)

Enquanto a Sérvia de Novak Djokovic foi um dos primeiros quatro conjuntos a garantir a presença na fase seguinte, o Canadá — recheado de estrelas da nova geração — teve de esperar até à última: inserido no “Grupo da Morte” da competição, com Austrália, Alemanha e Grécia, o conjunto norte-americano terminou a fase de grupos com duas vitórias e uma derrota e só no final da derradeira jornada é que, a partir dos balneários, viu confirmado o apuramento como um dos dois melhores segundos classificados.

Tudo graças à Argentina, que apesar de já estar apurada conseguiu levar a melhor no encontro de pares e assim confirmou a passagem dos canadianos em detrimento da Croácia, que precisava desse ponto para aspirar a mais no torneio.

Alinhamento expectável:

Dusan Lajovic vs. Félix Auger-Aliassime
Novak Djokovic vs. Denis Shapovalov
Novak Djokovic/Viktor Troicki vs. Denis Shapovalov/Félix Auger-Aliassime

  • Bélgica vs. Espanha | Não antes das 17h30 de 10 de janeiro (6h30 em Portugal Continental)

Um dia depois de ter somado uma vitória que confirmou o apuramento da Grã-Bretanha, a Bélgica viveu um episódio semelhante ao acompanhar o confronto entre França e África do Sul: uma vez divididos os pontos nos encontros de singulares, os belgas lá puderam agarrar o sétimo bilhete para uns quartos de final em que terão de desafiar uma Espanha super-favorita.

Rafael Nadal e companhia também só selaram o apuramento nesta quarta-feira, mas sem depender de terceiros — muito pelo contrário: tal como os anfitriões, também eles encerraram a fase de grupos com um registo extremamente autoritário de nove vitórias noutros tantos encontros.

Salvo surpresas, o último dos quartos de final será desenrolado por estes protagonistas:

Steve Darcis vs. Roberto Bautista Agut
David Goffin vs. Rafael Nadal
Sander Gille/Joran Vliegen vs. Féliciano López/Pablo Carreño-Busta

Os encontros aqui apresentados estão ordenados consoante a hora de início. No entanto, o quadro desenrola-se da seguinte forma:

— Sérvia vs. Canadá
— Argentina vs. Rússia
— Grã-Bretanha vs. Austrália
— Bélgica vs. Espanha

Atualizado às 14h25.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."