Auckland. Cori Gauff, o regresso de CiCi Bellis e vitória de Bouchard no arranque do quadro principal

Fotografia: WTA

O quadro principal do ASB Classic, em Auckland, arrancou esta madrugada, com três cabeças de série a entrarem em court mas apenas uma a seguir para a segunda ronda. Em nota de destaque surgem ainda as vitórias de Cori Gauff e Eugenie Bouchard, bem como o regresso à competição de CiCi Bellis.

A jovem norte-americana realizou o primeiro encontro em torneios WTA desde a edição de 2018 de Indian Wells e, apesar de deter o estatuto de nona cabeça de série, por culpa do ranking protegido, não teve argumentos para levar a melhor sobre Jessica Pegula (83.ª).

A falta de ritmo foi fatal para Bellis, que cedeu o primeiro set por 6-0 em apenas 22 minutos. O segundo parcial parecia vir a correr de feição para a tenista de 20 anos, que chegou a liderar por 3-0, mas Pegula venceu seis dos últimos sete jogos para operar a reviravolta e vencer por 6-4.

A realizar a última temporada enquanto tenista profissional, a espanhola Carla Suárez Navarro não teve o melhor dos arranques. No jogo que marcou o arranque do quadro principal, a antiga campeã do Portugal Open foi derrotada em três sets – 6-3, 3-6 e 6-2 – pela russa Daria Kasatkina (70.ª). A baixa percentagem de pontos ganhos com o segundo serviço (37%) e a incapacidade em castigar a adversária na resposta foram fatores cruciais para o desfecho do encontro.

Com uma exibição muito sólida, a norte-americana Cori Gauff deu o melhor início possível à nova temporada. A jovem de 15 anos, que surpreendeu o Mundo em 2019, impôs-se perante Viktoria Kuzmova (56.ª) em apenas 63 minutos, com os parciais de 6-3 e 6-1. A número 68 mundial controlou o encontro praticamente de início a fim e marcou encontro com a vencedora do embate entre Laura Siegemund e Alison Van Uytvanck na segunda ronda.

Quem também conseguiu um arranque de época positivo foi a canadiana Eugenie Bouchard. Longe dos lugares que já ocupou noutros tempos no ranking, a agora número 215 do Mundo levou a melhor sobre a veterana Kirsten Flipkens (71.ª), no encontro que encerrou a jornada.

O início da partida parecia indicar que Flipkens ia caminhar para uma vitória relativamente tranquila, dada a facilidade com que a belga se adiantou por 4-1. No entanto, Bouchard não baixou os braços e esperou pela altura certa para recuperar. A antiga finalista de Wimbledon venceu os seus jogos de serviço e quebrou o “saque” da adversária quando esta servia para fechar o parcial. Com a vitória em seis dos últimos sete jogos, Bouchard adiantou-se no marcador.

O segundo set foi bem mais tranquilo para a ex-número 5 mundial, que se mostrou mais sólida nos jogos de serviço. As duas tenistas confirmaram todos os jogos até à reta final do parcial. A servir para se adiantar por 6-5, Flipkens acabou por ceder e deixar a porta aberta para Bouchard chegar à vitória. A canadiana não desperdiçou a oportunidade e agendou encontro com a oitava cabeça de série, Caroline Garcia, que venceu Taylor Townsend por 5-7, 6-3 e 7-5.

ASB Classic
1.ª Ronda

Daria Kasatkina d. Carla Suárez Navarro, 6-3, 3-6 e 6-2
Cori Gauff d. Viktoria Kuzmova, 6-3 e 6-1
Eugenie Bouchard d. Kirsten Flipkens, 7-5 e 7-5
[8] Caroline Garcia d. Taylor Townsend, 5-7, 6-3 e 7-5
Jil Teichmann d. Valentina Ivanov, 6-4 e 6-3
Tamara Zidansek d. [6] Rebecca Peterson, 7-6(7) e 7-6(5)
Jessica Pegula d. [9] CiCi Bellis, 6-0 e 6-4

Total
3
Shares
Total
3
Share