Challenger de Camberra realocado devido aos incêndios

O estado de emergência declarado em grande parte do território australiano levou à realocação de um dos maiores eventos da temporada no ATP Challenger Tour: de Camberra, a capital do país, o Apis International passou para Bendigo, cidade que está a 620km de distância e conseguiu reunir condições para albergar o evento.

Em risco de cancelamento devido aos incêndios que defragam há vários meses (e que neste momento ocupam uma área maior que a da Bélgica) no país, aquele que é um dos primeiros e também dos mais fortes torneios do ATP Challenger Tour em 2020 encontrou na cidade do interior do estado de Victoria a derradeira salvação.

Para além do torneio masculino também se vai jogar uma prova feminina mas de outra dimensão: estão em jogo 25.000 dólares, estando por isso sob a tutela da Federação Internacional de Ténis (ITF World Tennis Tour).

A cidade de Bendigo já surgia no calendário do circuito secundário com um evento (dotado de 54.000 dólares em prémios monetários e a começar na semana seguinte) e ganha assim contornos extra — e muito interessantes para todos aqueles que queiram ver ténis ao vivo, uma vez que o torneio inicialmente marcado para a capital da Austrália distribui 162 mil dólares em prémios e conta com oito jogadores do top 100 mundial na lista de inscritos, entre os quais Jannik Sinner.

Total
4
Shares
Total
4
Share