Djokovic confirma Sérvia no primeiro lugar e elimina a vice-campeã França

Kosmos Tennis

MADRID — Com uma fase de grupos perfeita, a Sérvia de Novak Djokovic garantiu o primeiro lugar do Grupo A para se juntar à Rússia num dos embates mais entusiasmantes dos quartos de final da nova fase final da Taça Davis, as Davis Cup Finals.

O número dois mundial derrotou um “apagado” Benoit Paire (que substituiu Gael Monfils naquele que era apontado como o grande encontro do dia…) por 6-3 e 6-3 pouco depois do compatriota Filip Krajinovic ter superado Jo-Wilfried Tsonga, com 7-5 e 7-6(5).

A vitória de Krajinovic já tinha garantido o apuramento da Sérvia mas só com o triunfo de Djokovic é que o primeiro lugar do Grupo A ficou garantido.

Assim, o conjunto da Europa de Leste evita um perigoso mas muito entusiasmante duelo com a anfitriã Espanha e marca encontro com a Rússia, o primeiro país a garantir a qualificação como um dos melhores segundos classificados.

Este resultado também afasta a França, vice-campeã da edição de 2018, que terá de disputar as Davis Cup Qualifiers em março a não ser que receba e aceite um dos dois wild cards para a fase final do próximo ano — um cenário pouco provável de acontecer não só pela fraca prestação deste ano mas também pela enorme vontade por parte do público francês de assistir a um embate tradicional da Taça Davis, ou seja, uma eliminatória em que o fator casa seja uma possibilidade.

Alinhamento dos quartos de final:

— Sérvia vs. Rússia
— Austrália vs. Canadá
— Grã-Bretanha OU Cazaquistão vs. Alemanha
— Espanha vs. segundo melhor classificado

Atualizado às 15h11.

Total
1
Shares
Total
1
Share