Fábio Coelho falha acesso à terceira ronda na Maia

O português Fábio Coelho foi, esta quarta-feira, afastado do Maia Open, na estreia no quadro principal. O tenista luso entrou diretamente na segunda ronda com o estatuto de lucky loser e foi derrotado pelo italiano Andrea Vavassori, 397.º colocado da hierarquia mundial, com os parciais de 6-4 e 6-1.

O primeiro set foi equilibrado, com o tenista português a oferecer uma boa réplica ao transalpino e a levar a discussão do set até aos últimos instantes. No entanto, acabou por ceder o serviço ao nono jogo, o que deixou Vavassori a servir para fechar o parcial. O luso, 1421.º classificado do ranking mundial, ainda teve dois break points para igualar a partida a cinco, mas não conseguiu capitalizar.

A derrota no primeiro set originou uma derrocada na confiança de Fábio Coelho, que acabou por não conseguir ser tão competitivo durante o segundo parcial. Depois de ter vencido o primeiro jogo ao serviço, o jovem português cedeu seis jogos de forma consecutiva e acabou afastado da prova ao fim de uma hora e 17 minutos em court.

A armada portuguesa no Challenger maiato está agora reduzida a Pedro Sousa, João Domingues e Nuno Borges, sendo que todos entram em court ainda esta quarta-feira. Quanto a Andrea Vavassori, aguarda na terceira ronda pelo vencedor do confronto entre o espanhol Carlos Taberner (193.º) e o francês Maxime Hamou (365.º).

Total
3
Shares
Total
3
Share