Campeão em título, Zverev conta com ajuda de Tsonga para garantir regresso ao ATP Finals

Alexander Zverev pode finalmente respirar de alívio: a cinco dias do término do último torneio da temporada regular, o tenista alemão de 22 anos conseguiu selar o regresso a Londres para disputar o ATP Finals, onde tem a defender o título mais importante da carreira.

A viver uma temporada de altos e baixos, o atual número seis do mundo nem teve de entrar em campo. Bastou-lhe, aliás, ficar no sofá a assistir à vitória de Jo-Wilfried Tsonga por 6-4 e 6-3 sobre Matteo Berrettini, que significa que o italiano já não o consegue tirar do sétimo lugar da Race do London.

Desta forma, fica apenas por ocupar um dos oito lugares disponíveis no “Masters” de final do ano. Berrettini (que esta semana se estreou como jogador do top 10 mundial) continua a ser o ocupante da última posição, mas mas a eliminação do Rolex Paris Masters deixa-o dependente dos resultados de terceiros.

Quem passa a estar em melhor posição é Gael Monfils, que “só” precisa de ser finalista ou, então, semifinalista desde que Stan Wawrinka não conquiste o título — para o suíço, essa é mesmo a única hipótese de qualificação; tarefa já mais difícil, mas não impossível, tem Alex de Minaur, que para se estrear em Londres teria de ser campeão e esperar que o francês não chegasse às meias-finais.

Caso nenhum destes cenários se verifique, então será Matteo Berrettini a juntar-se a Rafael Nadal, Novak Djokovic, Daniil Medvedev, Roger Federer, Dominic Thiem, Stefanos Tsitsipas e Alexander Zverev no Nitto ATP Finals, que se joga entre 10 e 17 de novembro na O2 Arena de Londres.

Total
2
Shares
Total
2
Share