Federer regressa a Basileia com vitória no 1500.º encontro da carreira

A partir desta segunda-feira, a cidade e o torneio de Basileia têm mais uma razão para celebrar Roger Federer: o herói da casa disputou e saiu vitorioso do 1500.º encontro de singulares da carreira para entrar com o pé direito no Swiss Indoors Open, onde procura o 10.º título.

Na jornada inaugural, o grande favorito à vitória superou o alemão Peter Gojowczyk (112.º que em junho do último ano chegou a ser 39.º) de forma esclarecedora: 6-2 e 6-1 em apenas 53 minutos, com um total de 34 winners apontados.

Com o 10.º título no horizonte — foi campeão em 2006, 2007, 2008, 2010, 2011, 2014, 2015, 2016, 2017 e 2018 e finalista em 2009, 2012 e 2013 (em 2016 falhou o torneio, lesionado) — o número 3 do mundo alinhou uma das exibições mais autoritárias da temporada para igualar os arquirrivais Rafael NadalNovak Djokovic no segundo lugar de mais vitórias em 2019 (48), só atrás da grande sensação do ano: o russo Daniil Medvedev, que tem 59.

Primeiro cabeça de série do ATP 500 suíço, Roger Federer fica agora à espera do vencedor do encontro entre Radu Albot e Dusan Lajovic para conhecer o próximo adversário. Na secção do quadro do ex-número um mundial estão ainda Stan Wawrinka (possível oponente nos quartos de final) e Stefanos Tsitsipas (meias-finais). O segundo pré-designado é Alexander Zverev, que o derrotou recentemente no Masters 1000 de Xangai.

Última atualização às 19h11.

Total
11
Shares
Total
11
Share