Ana Filipa Santos completa “invasão” portuguesa à segunda ronda em Santarém

André Ferreira/Federação Portuguesa de Ténis

Uma, duas, três, quatro, cinco, seis. O Santarém Ladies Open tem seis jogadoras portuguesas apuradas para a segunda ronda do quadro principal de singulares, a última das quais Ana Filipa Santos.

Praticamente ao mesmo tempo que Matilde Jorge, que ao vencer conquistou pela primeira vez um ponto para o ranking WTA, a jogadora natural de Santiago do Cacém (1076.ª colocada na hierarquia) superou a sueca Matilda Lenngren (sem classificação e vinda do qualifying), por 2-6, 6-3 e 6-1.

A vitória desta quarta-feira foi a segunda da temporada para Ana Filipa Santos em quadros principais de singulares de torneios ITF, ela que entretanto também se estreou pela seleção portuguesa na Fed Cup (onde conseguiu mesmo uma vitória em singulares) e, mais recentemente, terminou como vice-campeã nacional de pares femininos, campeã de pares mistos e disputou o primeiro 60.000 da carreira.

Com a passagem à segunda eliminatória, a quinta melhor jogadora portuguesa da atualidade no ranking WTA junta-se a Francisca Jorge (primeira cabeça de série), Inês Murta (terceira), Maria Inês Fonte (sexta), Matilde Morais e Matilde Jorge.

A próxima adversária da jogadora da LX Team é a espanhola Almudena Sanz-Llaneza Fernandez, sétima candidata ao título, que esta quarta-feira passou por Camila Garcia com os parciais de 6-4 e 6-0.

Também esta quarta-feira, Sara Lança perdeu por 6-3 e 6-0 para Olga Parres Azcoitia (quinta candidata ao título) e Inês Oliveira por 6-0 e 6-1 para Maria Gutierrez Carrasco (segunda).

Total
4
Shares
Total
4
Share