João Sousa fica perto, mas falha apuramento para a final em São Petersburgo

Fotografia: Fernando Correia/Millennium Estoril Open

Perto. Muito perto. João Sousa esteve a um pequeno passo de chegar à final do ATP 250 de São Petersburgo pela segunda vez na carreira. No entanto, o tenista português acabou por ceder perante Borna Coric, número 15 mundial, pelos parciais de 3-6, 7-6(5) e 6-1.

Em busca da 11.ª grande decisão da carreira, e da primeira depois da vitória no Millennium Estoril Open em 2018, João Sousa entrou muito bem no encontro. O tenista vimaranense conseguiu quebrar o serviço de Coric a sensivelmente meio do primeiro set, e teve a capacidade de salvar os sete break points que enfrentou.

O segundo set trouxe um maior equilíbrio entre os dois. Os break points apareceram com menos frequência, ainda que Sousa tenha tido três chances para quebrar o serviço do adversário. Coric, por sua vez, teve duas, uma delas a coincidir com set point, mas Sousa segurou o serviço e só o tie-break pôde marcar a diferença.

No desempate, Coric esteve por duas vezes com um mini-break de vantagem, mas o vimaranense recuperou nas duas ocasiões. Porém, quando servia a 5-5, Sousa acabou por ceder perante um volley de Coric junto à rede, na conclusão de um grande ponto entre ambos. O croata aproveitou depois o serviço para fechar a segunda partida e empurrar o encontro para a “negra”.

A derrota no segundo parcial foi muito sentida pelo número um português, que não se conseguiu voltar a encontrar. João Sousa cedeu o serviço logo no jogo inaugural e ficou sem argumentos para incomodar Coric com a resposta. O tenista croata acabou a vencer quatro jogos consecutivos para selar o triunfo em duas horas e 18 minutos de jogo.

Borna Coric segue para a final na Rússia, onde vai defrontar o vencedor da partida entre Daniil Medvedev e Egor Gerasimov. Quanto a João Sousa, prepara-se agora para viajar para a China, onde tem agendada a participação no ATP 250 de Chengdu na próxima semana.

Atualizado às 14h38.

Total
5
Shares
Total
5
Share