Luís Faria travado nos quartos de final do BTA Futures I

SINTRA — Chegou ao fim a prestação de Luís Faria no BTA Futures I. O tenista português procurava as primeiras meias-finais da carreira em quadros principais de singulares de torneios internacionais mas não conseguiu vencer.

Longe do nível que apresentou nas duas primeiras rondas, o jogador natural de Guimarães não conseguiu fazer frente a Lucas Poullain — francês que já tinha passado por João Monteiro, beneficiando da desistência do portuense quando vencia por 5-0 — e cedeu por 6-3 e 6-1 ao cabo de uma hora e 20 minutos de duelo.

Com este resultado, passa a ser impossível o BTA Futures I ter meias-finais totalmente portuguesas, uma vez que já só Nuno Borges (à hora de publicação deste artigo defrontava Pablo Vivero Gonzalez) pode chegar à meia-final na parte inferior do quadro.

Na parte superior, Fred Gil e Tiago Cação venceram para marcarem novo reencontro.

Última atualização às 13h37.

Total
3
Shares
Total
3
Share