Frederico Silva cai à primeira no Challenger de Amersfoort

Frederico F Silva -

Ao contrário de Gastão Elias em Nur-Sultan, Frederico Silva não conseguiu triunfar esta segunda-feira no seu primeiro encontro no Challenger de Amersfoort e disse assim adeus.

Apesar de ter entrado melhor no encontro (obteve dois breaks consecutivos e chegou a liderar por 4-1), o tenista caldense, número 296 mundial, não conseguiu manter esse ascendente e sofreu uma reviravolta impressionante contra o brasileiro Guilherme Clezar, atual 309.º ATP mas um antigo número 153 em 2015, que foi fixada nos parciais de 7-5 e 6-1 ao fim de 91 minutos.

Desta forma, o pupilo de Pedro Felner, que nos dois últimos torneios que disputou chegou até aos oitavos e quartos de final, despede-se precocemente da prova holandesa que se realiza sobre terra batida visto que não se encontra inscrito na vertente de pares.

Avatar
Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 3.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante e seguidor de ténis desde a adolescência.