Os primeiros vencedores de Wimbledon 2019

Chegou o dia. A 133.ª edição do torneio de Wimbledon começou esta segunda-feira e não foi preciso esperar muito até serem conhecidos os primeiros vencedores da terceira etapa do Grand Slam. Como é tradição, reunimo-los numa só lista:

Primeiro ponto: 

Janko Tipsarevic – O primeiro ponto desta edição de Wimbledon foi assinado pelo sérvio, de 35 anos, que no court 15 se adiantou perante o japonês Yoshihito Nishioka.

Primeiro jogo e primeiro break:

Janko Tipsarevic – Foi uma entrada de rompante: o ex-número 8 mundial não só venceu o primeiro ponto do torneio como se tornou no primeiro jogador a ganhar vantagem no marcador, quebrando o serviço do tenista nipónico para fazer o 1-0 numa altura em que muitos dos encontros programados para a mesma hora ainda estavam na fase de aquecimento.

Primeiro set:

Reilly Opelka – O primeiro parcial foi ganho pelo gigante de 2.11m (que passou pela última edição do Millennium Estoril Open). Detentor de um serviço potente, o norte-americano fez uso da superfície rápida para ao fim de 29 minutos vencer o primeiro set por 6-3 frente a Cedrik-Marcel Stebe.

Pouco depois, a ucraniana Dayana Yastremska venceu o primeiro set da competição feminina, ao adiantar-se por 6-3 frente à quartofinalista de 2018, Camila Giorgi.

Primeira vitória:

Madison Keys – Com o “turbo” a fundo, a norte-americana tornou-se na primeira vencedora desta edição ao derrotar a tailandesa Luksika Kumkhum por 6-3 e 6-2 quando estavam decorridos 62 minutos de encontro.

Se o quadro masculino se jogasse à melhor de três sets, então o primeiro vencedor do torneio teria sido Roberto Bautista Agut. O espanhol liderou por 6-3 e 6-2 frente a Peter Gojowczyk ainda antes de Madison Keys consumar a sua vitória.

Primeiro bagel:

Elina Svitolina – Depois de um primeiro set muito apertado frente a Daria Gavrilova, a tenista ucraniana colocou o pé no acelerador e não mais olhou para trás, acabando por impingir à australiana o primeiro bagel do torneio: 7-5 e 6-0 foram os parciais da vitória.

Primeira cabeça de série a cair:

Aryna Sabalenka – A má fase continua e a bielorrussa, 10.ª cabeça de série, tornou-se na primeira pré-designada a abandonar o torneio ao cair pelos parciais de 6-2 e 6-4 frente a Magdalena Rybarikova.

Total
3
Shares
Total
3
Share