Serena e a controvérsia com Thiem: “Tentei evitar ao máximo que acontecesse e de repente tenho má personalidade”

Fotografia: AELTC/Florian Eisele

Praticamente um mês depois de ter acontecido, a controvérsia de Dominic Thiem e Serena Williams em Roland Garros voltou à baila. Na conferência de imprensa de antevisão a Wimbledon, a norte-americana explicou o que aconteceu, o que não compreendeu e garantiu que tudo está bem entre ambos.

A norte-americana diz que depois da derrota surpreendente para a compatriota Sofia Kenin “pedi para ir à sala de conferências de imprensa mais pequena, implorei-lhes e eles disseram que não o podia fazer, por isso eu disse que podia regressar mais tarde mas eles pediram-me para ficar e expulsaram-no.”

Serena Williams considerou a decisão dos responsáveis da Federação Internacional de Ténis (ITF) “rude” e ficou surpreendida porque “no dia seguinte estava a ser acusada de ter má personalidade. Eu defendi-o e por isso não percebi como é que tinha má personalidade por dizer que o que lhe fizeram estava errado. Entretanto falámos sobre isso e está tudo bem, sempre gostei dele, continuo a gostar e acho que é um excelente jogador, é inacreditável.”

A vice-campeã em título do torneio de Wimbledon concluiu a conversa sobre o assunto confessando que se sente “demasiado velha para estar envolvida em controvérsias e foi por isso que fui falar com ele, quis ‘limpar o ar’ e ele explicou-me que não tinha dito aquilo e que acabou por ser distorcido pela imprensa. Está tudo bem.”

Total
7
Shares
Total
7
Share