Pedro Sousa confirma o favoritismo na estreia no Challenger de Blois

Fotografia: Fotojump/Rio Open

Uma manhã, duas vitórias portuguesas no ATP Challenger Tour.

Se em Bratislava a vitória sorriu a Frederico Silva, que venceu um duelo 100% luso, em Blois foi Pedro Sousa quem ficou com o triunfo para avançar aos oitavos de final de uma prova onde tem a defender o estatuto de primeiro cabeça de série.

Atual 122.º classificado na hierarquia ATP, o lisboeta de 30 anos superou um começo mais equilibrado para vencer o jovem Juan Pablo Varillas (que aos 23 anos é o 345.º da mesma tabela) por 7-6(3) e 6-3.

Esta é a segunda semana consecutiva em que Pedro Sousa ultrapassa a etapa inaugural de um evento Challenger em solo gaulês, tendo chegado igualmente aos oitavos de final em Lyon (um torneio superior, dado que oferece 92.000 euros em prémios monetários — o dobro em relação a Blois).

Para ir mais longe, o número dois nacional terá de superar ou o brasileiro Daniel Dutra da Silva ou o japonês Kaichi Uchida, o 15.º pré-designado.

Total
5
Shares
Total
5
Share