Lisboa Belém Open. Luís Faria cede e não alcança o quadro principal

Fotografia: Beatriz Ruivo/Lisboa Belém Open

LISBOA – A estrear o Estádio CIF nesta 3.ª edição do Lisboa Belém Open, Luís Faria cedeu em dois sets na ronda de acesso ao quadro principal, frente a Steven Diez, ex top-200 e atual 266.º da hierarquia masculina.

O jogador português já tinha cedido no primeiro encontro que jogou na semana passada, no Braga Open, e leva assim a sua quarta derrota consecutiva. Faria omeçou o primeiro set a servir muito bem, salvando ainda um break point no terceiro jogo, mas ao quinto jogo não foi capaz de evitar que o adversário canadiano quebrasse o serviço, cedendo ainda novamente o serviço no fim do primeiro parcial.

De início ambos apostaram em longas trocas de bolas, começando a entrar mais em campo e a ser mais agressivos no decorrer do encontro. Esta tática favoreceu o jogador mais experiente, que forçou o atleta do Centro de Alto Rendimento a correr mais atrás das bolas e a adotar um estilo mais defensivo.

Depois de salvar vários pontos de break, Faria ainda conseguiu dispôr de dois para se tentar pôr à frente do marcador no segundo set, mas o jogador de 28 anos salvou-os e quebrou o serviço do português no jogo seguinte para ficar a servir para o encontro a 5-3. Com o seu serviço, Steven Diez fechou o encontro pelos parciais de 6-2 e 6-3.

Luís Faria ainda vai estar presente no quadro de pares, onde joga ao lado de Tiago Cação frente a outra dupla lusa – Francisco Cabral Gonçalo Falcão.

Pedro Cunha
O ténis apareceu na minha vida como apenas mais um desporto mas rapidamente o cheiro das bolas e o pó cor de laranja da terra batida onde pratico tornaram a minha vida melhor. Desde o som das pancadas, ao simples abrir de uma lata nova de bolas, tudo neste desporto tem encanto.