Madalena Peneda conquista primeiro título da carreira na Costa do Marfim

Foi mais uma semana de sucesso para os juniores portugueses: depois de Matilde Jorge ter conquistado na semana passada o seu segundo título do ano, Madalena Peneda sagrou-se campeã este sábado para erguer na Costa do Marfim o seu primeiro título internacional da carreira.

A jovem tenista portuguesa de 16 anos de idade, atual 2222.ª do ranking mundial de sub-18, formou parceria com a chinesa Yimei Zhao e foi bem sucedida naquela que foi a sua estreia em finais neste nível: o par luso-chinês, segundas pré-designadas, bateram as quartas favoritas, a holandesa Tess Menten e a eslovena Nika Strasek, pelos parciais de 7-6(7) e 6-3 rumo à vitória no Grade 5 de Abidjã.

Ainda na capital da Costa do Marfim, destaque para a excelente campanha de Arthur Dussaubat. Derrotado na última ronda do qualifying, o jogador luso de 17 anos entrou como lucky loser no quadro principal e aproveitou a oportunidade ao derrotar o francês Jean Sibel (1794.º) por 6-3 e 6-3 e o oitavo cabeça de série, o holandês Freek van Donselaar (1069.º), por 7-5 e 6-2 rumo aos primeiros quartos de final da carreira.

Chegado ao top-8, Dussaubat acabou por sucumbir perante o segundo candidato ao título, o francês Charlelie Cosnet (505.º), num duelo em que ainda deu muito boa réplica no primeiro set mas em que depois não resistiu ao ténis do seu mais cotado oponente, que triunfou então com os parciais de 7-6(1) e 6-2. Também André Bandeira (oriundo da fase de qualificação) e Madalena Peneda competiram na variante individual do Grade 5 de Abidjã, tendo ambos sido eliminados na primeira ronda.

Por último, nota para as participações precoces de Pedro Araújo (433.º) no qualifying do Grade 2 de Salsomaggiore Terme (Itália), no qual não foi além da etapa de estreia (6-1 e 7-6(3) para o quarto favorito, o italiano Pietro Marino – 228.º), e Carolina Azadinho (1936.ª) no quadro principal do Grade 4 de Windhoek (Namíbia) – cedeu na eliminatória inaugural, por 6-2 e 6-0, ante a segunda favorita, a indiana Smriti Bhasin (507.ª).

Avatar
Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 3.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante e seguidor de ténis desde a adolescência.