Serena conquista primeira vitória da época mas EUA acabam derrotados pela Grécia

Serena Williams
Fotografia: Hopman Cup

À segunda tentativa, a primeira vitória: depois de perder para a irmã Venus Williams no Mubadala World Tennis Championships, Serena Williams regressou esta segunda-feira à Hopman Cup e fê-lo com um triunfo. No entanto, não foi suficiente para os Estados Unidos da América vencerem o confronto com a Grécia.

Grande figura da competição, a norte-americana de 37 anos derrotou a talentosa Maria Sakkari com a ajuda de 29 winners, pelos parciais de 7-6(3) e 6-2. Antes, Stefanos Tsitsipas (que no encontro de estreia se tinha deixado surpreender por Cameron Norrie) já tinha derrotado Frances Tiafoe com 6-3, 6-7(3) e 6-3 e 2h15, pelo que foi necessário recorrer-se ao encontro de pares mistos para se conhecerem os vencedores.

E aí os gregos foram mais fortes. Lado a lado pela primeira vez, Sakkari e Tsitsipas venceram um encontro muito divertido mas com parciais desequilibrados (4-1, 1-4 e 4-2) para fecharem o dia com um sorriso.

Com esta vitória, a Grécia passa para o primeiro lugar do Grupo B à condição, porque a Suíça é a única equipa a ainda só ter disputado um encontro. Na terça-feira, 1 de janeiro de 2019, será dia de se assistir a um encontro que vai ficar para a história: Roger Federer e Serena Williams vão medir forças em pares mistos, acompanhados de Belinda Bencic e Frances Tiafoe, respetivamente.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."