Fred Gil, João Monteiro e Francisca Jorge lideram grupo de inscritos no Campeonato Nacional Absoluto

Com o mês de novembro chega o Campeonato Nacional Absoluto/Taça Guilherme Pinto Basto. Em 2018 a prova rainha do ténis português regressa ao Norte do país, com o Clube de Ténis do Porto a servir de casa entre os dias 4 e 10 (domingo a sábado), e são vários os campeões nacionais inscritos.

À semelhança do que aconteceu nos anos anteriores, o quadro masculino será de 32 jogadores (12 com entrada direta, 8 qualifiers, 4 wild cards e 8 byes) e o feminino de 16 (10 com entrada direta, 4 qualifiers e 2 wild cards).

Presença confirmada no quadro principal masculino têm Fred Gil (campeão em 2004, 2006 e 2007) e João Monteiro (2016), que nas últimas seis semanas disputaram entre si quatro finais de torneios Future (duas vitórias para cada lado), precisamente os dois nomes de maior destaque na prova. Para além deles, também Tiago Cação (vice-campeão de cinco torneios internacionais este ano) irá a jogo, como terceiro cabeça de série. Gonçalo Pereira, vencedor em 2009, é outro dos tenistas com entrada direta.

Em sentido inverso, os seis melhores jogadores da atualidade optaram por não participar no torneio — o campeão em título João Sousa, Pedro Sousa, Gastão Elias, João Domingues (campeão em 2011 e 2015), Gonçalo Oliveira e Frederico SilvaDaniel Rodrigues, vice-campeão em 2017, também não irá a jogo, ele que começou recentemente a estudar na Universidade da Carolina do Sul, nos EUA.

Já no quadro feminino, o nome de maior destaque é o da atual campeã nacional absoluta e de sub 18, Francisca Jorge. A tenista vimaranense chegará ao Clube de Ténis do Porto já com um título de singulares no currículo, depois de este fim de semana se ter sagrado campeã no ITF de Lousada, e terá em Maria Inês Fonte, uma das colegas de treino no Centro de Alto Rendimento, a sua maior rival.

Inês Murta, que foi vice-campeã nacional em 2014 e 2015, e Maria João Koehler (vencedora da prova em seis ocasiões, entre 2009 e 2013 e novamente em 2016, tendo sido finalista vencida há um ano) estão lesionadas e não podem competir na edição deste ano do Campeonato Nacional Absoluto.

Na fase de qualificação masculina destacam-se os nomes de Francisco Cabral (vice-campeão em 2015 e 2016, que por não estar entre os 1.000 primeiros do ranking não tem “prioridade” perante aqueles que apenas têm classificação nacional) e Gonçalo Falcão (finalista vencido no ano de 2011), e no qualifying feminino os de Matilde Jorge (campeã nacional de sub 14) e Leonor Oliveira (campeã nacional de sub 16). Tomás Luís (campeão nacional de sub 16) e Martim Leote Prata (vencedor da prova de sub 18) estão, para já, na lista de alternates.

Os 4 wild cards para o quadro principal masculino e 2 para o quadro principal feminino terão de ser entregues antes da realização dos respetivos sorteios e podem ser atribuídos a qualquer jogador, presente ou não na lista de inscritos no torneio.

Jogadores com entrada direta nos quadros principais de singulares:

JogadorClassificaçãoJogadoraClassificação
João Monteiro341 ATPFrancisca Jorge667 WTA
Fred Gil350 ATPMaria Inês Fonte2 nacional
Tiago Cação417 ATPCláudia Cianci3 nacional
José Ricardo Nunes1 nacionalSara Neto6 nacional
Gonçalo Pereira2 nacionalPatrícia Couto10 nacional
João António3 nacionalMariana Campino11 nacional
Gonçalo Ferreira4 nacionalAna Filipa Santos12~ nacional
Tomás Almeida5 nacionalMaria Santos12~ nacional
Tomás Marques10 nacionalCarolina Likhatcheva14 nacional
Illia Stoliar11 nacionalAna Sofia Brandão15 nacional
Manuel Almeida12 nacional------
Pedro Estevão13 nacional------

Jogadores com entrada direta no qualifying:

JogadorClassificaçãoJogadoraClassificação
André Rodeia14 nacionalInês Teixeira17 nacional
João Guerra17 nacionalFlávia Macedo18 nacional
Gonçalo Falcão19 nacionalMadalena Tanqueiro19 nacional
Hugo Maia21 nacionalRita Moreira Silva23 nacional
Simão Alves22 nacionalLeonor Oliveira24 nacional
Fábio Coelho23 nacionalBárbara Balancho25 nacional
José Pedro Ferreira30 nacionalMarta Simões28 nacional
Afonso Portugal31 nacionalJoana Baptista31 nacional
Jorge Sousa36 nacionalMatilde Jorge34 nacional
Evan Morgan42 nacionalMafalda Guedes35 nacional
David Ramalho49 nacionalJoana Valente39 nacional
Héber Adónis52 nacionalMariana Enguiça41 nacional
Henrique Petiz53 nacionalRita Silva47 nacional
Manuel Gonçalves56 nacionalLúcia Quitério52 nacional
Pedro Alves59 nacionalCamila Garcia57 nacional
Francisco Cabral60 nacionalBárbara Malafaya72 nacional
Ricardo Moreira63 nacionalMadalena Peneda126 nacional
Tomás Roll66 nacionalCarolina Azadinho---
Paulo Fernandes72 nacionalCarolina Reis---
Dinis Quelhas73 nacional------
Miguel Almeida76~ nacional------
Miguel Semedo76~ nacional------
Marcelo Oliveira79 nacional------
Arthur Dussaubat81 nacional------
Sebastião Cortez82 nacional------
Pedro Vicente83 nacional------
Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel e o squash. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."